Como sobreviver à Páscoa sem se acabar no chocolate #pascoabrigadeirodealface

A semana da Páscoa chegou e com ela o receio de não conseguir se controlar com tanto ovo de chocolate ao redor. Dá uma vontade de se deixar levar e comer todo o chocolate que aparecer pela frente, afinal é Páscoa e isso só acontece uma vez por ano! Não dá nem para imaginar este feriado sem ovo de chocolate, e nem precisa.

Se você não quer passar esta Páscoa com o sentimento de culpa e arrependimento, ou pior, com a sensação de que todo mundo aproveitou enquanto você teve que ficar se controlando, vem comigo.

Como sobreviver à Páscoa sem se acabar no chocolate #pascoabrigadeirodealface

Em momentos como este vem aquele pensamento nada construtivo de que todo mundo pode comer o que quiser enquanto você fica aí lutando para se controlar e engordando só de sentir o cheirinho do cacau. Acredite em mim, dá para curtir a Páscoa sem engordar e sem abrir mão de comer o que você gosta, só é preciso seguir algumas estratégias para aproveitar o feriado ao máximo.

É por isso que a partir de hoje vou postar no Instagram e no Facebook o desafio #pascoabrigadeirodealface. Tudo vai acontecer entre os dias 10 a 19 de abril. Serão 10 dias juntinhas com a hashtag #pascoabrigadeirodealface. Usem a hashtag para que eu acompanhar o que vocês estão vivenciando esta semana e para que eu possa participar disso com vocês.

Para começar, entenda 3 coisas:

1. A Páscoa é apenas um dia e não uma semana ou um mês, estamos falando de UM DIA apenas

Se você se enfiar em chocolate dos pés à cabeça apenas no domingo de Páscoa vai chegar uma hora que não vai mais aguentar comer tanto chocolate e vai parar, mesmo que você só pare depois de comer um quilo de chocolate. Seguindo esse exemplo extremo, o dia da Páscoa em si não é o problema, é o que acontece antes e depois dele. É por isso que este post está saindo com certa antecedência para que você se prepare psicologicamente para ela.

2. A dificuldade de lidar com chocolate 24 horas por dia ao redor é real

Sabe qual é o problema? É o ovo que você ganhou com antecedência e que fica na sua casa olhando para você. É o ovo que você se comprou porque é Páscoa e se não comer agora só daqui há um ano. É o resto de comida e sobremesa que fica na geladeira. São os doces espalhados pela casa. É a colega que vende trufas e ovos especiais no trabalho. É o Instagram e Facebook com fotos incríveis de ovos inacreditáveis de churros de doce de leite ou de Nutella.

Como resolver a dificuldade de lidar com o chocolate à vista? Tirar ele da vista. Simples assim.

3. Você não precisa eliminar completamente o chocolate ou as comidas deliciosas para passar a Páscoa sem culpa

A gente tem uma mania de viver no 8 ou 80 como se isso fosse a única maneira possível de viver. Ou certo ou errado. Ou tudo ou nada. Entre comer um ovo de Páscoa de meio quilo em um dia e passar a Páscoa sugarfree tem um oceano de possibilidades.

Escolha uma maneira de ver a alimentação que não siga nenhum extremismo, que priorize o prazer, a nutrição do corpo e da mente e alegria de viver livre de preocupações com o alimento.

Se você estiver nas redes sociais, publique a sua semana de Páscoa com a hashtag #pascoabrigadeirodealface que eu vou te acompanhar por lá.

Vamos fazer desta Páscoa uma para ser relembrada.